Embraer firma memorando com ABC Financial Leasing

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - Apesar da incerteza quanto ao futuro de sua fábrica na China, a Embraer segue confiante nas possibilidades de negócios no mercado asiático. Ontem, a empresa assinou um memorando de entendimentos com a ABC Financial Leasing Co., Ltd, para financiamento e leasing de aeronaves. A ABC é subsidiária integral do Agricultural Bank of China e o acordo, segundo a Embraer, tem o objetivo de criar novas oportunidades de financiamento para a venda de aeronaves da Embraer na China e em outros países.

“O foco são os mercados de aviação regional, executiva e agrícola na China. O negócio pode atingir US$ 1,5 bilhão nos próximos cinco anos”, informou a Embraer em nota.  O presidente do Conselho de Administração da ABC Leasing disse que “esta aliança estratégica com a Embraer criará um novo caminho para que ambas as empresas possam desenvolver mercados domésticos e internacionais”. 

A Embraer tem hoje 115 pedidos firmes de clientes chineses e um total de 85 aeronaves entregues e em operação no país, representando 60% do mercado de aviões com até 120 assentos. A China foi o segundo maior mercado da Embraer em 2010 e respondeu por 9,3% das exportações da empresa, com vendas da ordem de US$ 368,4 milhões, segundo dados da Câmara de Comércio Exterior (Camex).

A Embraer estima que, nos próximos 20 anos, cerca de 950 jatos, entre 30 e 120 assentos, serão entregues para o mercado chinês, representando 14% do total desse mercado.

Veículo: Valor - 24/03/2011