BC dá mais prazo para “pastinhas” deixarem agências bancárias

BRASÍLIA - O Banco Central deu hoje um prazo adicional de três meses para que os bancos se enquadrem na norma que proíbe a presença de correspondentes bancários, conhecidos como “pastinhas”, dentro das dependências das instituições financeiras.

O prazo inicial de 2 de janeiro foi estendido até 2 de abril de 2012.

O diretor do Departamento de Normas do Sistema Financeiro do BC, Sérgio Odilon dos Anjos, disse que a medida dá um prazo mais razoável para que os bancos solucionam "problemas operacionais" a fim de pulverizar o crédito em vez de concentrá-lo dentro das agências.

Veículo: Valor - 16/12/2011